SPFW Dia 5 – parte 2

Fause Haten chegou com o nada em sua coleção, parece estranho, mas foi assim que ele definiu o tema para a coleção (“N.A.D.A.”, simplicidade e essência; Catherine Deneuve em “A Bela da Tarde”), e ele justifica que ao desenvolver ele pensava em cores e não surgia nada, pensava em tecidos e o nada mais uma vez era presente, então resolveu aceitar e trabalhar com o nada que dominava sua mente, e de fato, ele limpou os excessos e deixou uma coleção muito bonita e criativa. Em primeiro momento achei a coleção meio sombria meio vampiresca, mas gostei bastante do trabalho com couro e seda, e a forma que ele trabalhou com uma silhueta mais seca e reta.

Jefferson Kulig chegou com com bastante renda, e será o forte de sua coleção outono/inverno. Os looks da coleção são bem básicos, mas acho que com pouco apelo comercial, poderiam ter sido mais criativos. O ponto alto no meu ver ficou nas maxi estampas utilizadas em alguns vestidos e camisetas com temas de animais como gatos, girafas… Kulig também fez o uso das taxinhas em couro e o preto e azul marinho foram predominantes na coleção.

Anúncios

Sobre Gustavo Oliveira

22 anos, Publicitário, Mau-humorado, seco, sarcástico, cáustico, até brincalhão e simpático as vezes. Nem sempre.

Publicado em fevereiro 2, 2011, em Moda e marcado como , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: